Hospitalidade do brasileiro é destaque na avaliação dos turistas internacionais

Hospitalidade do brasileiro é destaque na avaliação dos turistas internacionais

Qual o perfil do viajante estrangeiro que visitou o Brasil? A hospitalidade do brasileiro continua em destaque.

Dando sequência a um estudo anual que teve início em 2008, o resultado da última análise revela tendências que tomavam corpo nos anos anteriores, como o crescimento da hospedagem alternativa (47,3%) e da internet (42,5%) na preferência do público, e destaca mudanças como a ascensão de São Paulo como destino de lazer (2º posição) e de Brasília como a cidade em que os estrangeiros mais gastam (US$ 139,91).

Hospitalidade do brasileiro

“O Brasil é o país número um do mundo em recursos naturais, mas também se destaca pela projeção em negócios e eventos.

Ao sediar a Copa do Mundo e eventos como o Rock in Rio e os Jogos Olímpicos, nosso país tende a se destacar e se tornar um destino cada vez mais desejado pelos estrangeiros”, afirma o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves.

O país recebeu 6,4 milhões de estrangeiros no ano passado.

A pesquisa foi feita em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE) e ouviu 44.080 entrevistados, mais de 10 mil turistas apenas durante a Copa do Mundo, em 15 aeroportos brasileiros e 10 fronteiras terrestres, que representam mais de 90% do fluxo terrestre internacional.

 

01

Os argentinos continuam sendo nossos principais visitantes – e representam 27,1% do total de estrangeiros que visitou o país no ano passado.

02

O lazer permanece como a principal motivação dos turistas, registrando em 2014 o maior índice da série histórica. A maioria deles está em busca de sol e praia.

03

Os gastos dos visitantes a negócios e a lazer subiram, sendo que, a lazer, atingiu seu maior valor em 2014. Em Brasília (DF), o gasto médio por pessoa por dia foi o maior do país (US$ 139,91), o mais alto entre os principais destinos turísticos do país.

04

Os turistas da Europa e dos Estados Unidos permanecem no país duas vezes mais que os visitantes da América do Sul. Houve, no entanto, ano a ano, um aumento, em todas as nacionalidades, no período de permanência no país.

05

O Rio de Janeiro permanece no topo da preferência. É a primeira vez, no entanto, que São Paulo aparece entre os três destinos mais visitados, ganhando posições ocupadas tradicionalmente por Florianópolis (SC) e Foz do Iguaçu (PR).

06

A hospedagem alternativa já hospeda quase metade (47,3%) dos estrangeiros que visitam o Brasil. No ano passado, a procura por imóveis de temporada e por campings e albergues recepcionaram juntos 24% do total de visitantes, a maior dos últimos sete anos.

07

A hospitalidade do brasileiro é reconhecida além das fronteiras do país. A forma acolhedora e a simpatia do povo é também uma das razões que gera um alto índice de retorno: 95,1%.

Planejando a próxima viagem? Faça sua cotação para ingressos para todos os parques de Orlando e chip internacional 4G ilimitado para a sua próxima grande aventura. Ah, também temos um grupo para Orlando em 2018 que você pode viajar junto com a gente.